O presidente Jair Bolsonaro apagou nesta terça-feira (27) o comentário que fez em uma rede social no qual zombava da primeira-dama francesa, Brigitte Macron, informou o site Poder 360.

(Foto: Reprodução)

 

Ainda segundo o site, a assessoria de imprensa do Palácio do Planalto afirmou que não comentaria a exclusão, e que foi o próprio presidente que publicou o comentário.

No sábado (24), Bolsonaro referendou o comentário de um seguidor, dando a entender que as recentes críticas de Macron ao seu governo seriam motivadas por inveja da esposa do brasileiro, Michelle Bolsonaro.
Ao comentar uma publicação de Bolsonaro no Facebook, o seguidor Rodrigo Andreaça escreveu: “É inveja presidente do macron pode crê (sic)”.

A mensagem de Andreaça foi publicada junto a uma imagem, na qual se vê uma foto de Bolsonaro e de sua esposa, Michelle, abaixo de um retrato de Macron e de sua mulher, Brigitte.

Ao lado das fotos dos casais, há os dizeres: “Entende agora por que Macron persegue Bolsonaro?”. O perfil de Bolsonaro respondeu a Andreaça: “Não humilha, cara. Kkkkkkk”.

Ainda nesta nesta terça, Bolsonaro negou ter ofendido a primeira-dama da França, em entrevista para a imprensa. Questionado se pediria desculpas à Brigitte, Bolsonaro disse que não a ofendeu e, irritado com a insistências dos repórteres, encerrou a entrevista.