O túmulo onde estava o corpo do empresário Michel Lopes de Oliveira, morto no último sábado (8), em Umuarama (Noroeste do PR) , foi violado durante a madrugada desta quarta-feira (12) no cemitério de Juranda, no oeste do estado.

De acordo com a Polícia Militar, homens ainda não identificados entraram no local por volta das 3 horas e foram até ao túmulo de  Oliveira. Ele foi morto a golpes de faca.

Reprodução TV Caiuá

Os homens violaram o túmulo e atearam fogo no caixão, onde estava o corpo. Após a ação, os suspeitos fugiram.

A Polícia Militar foi acionada durante a manhã, por volta das 8h30, após duas idosas encontrarem o corpo queimado.

Oliveira foi morto, segundo a polícia, por dois funcionários de 28 e 35 anos. A motivação teria sido uma dívida cobrada pelo empresário. Os dois foram presos.

A Polícia Civil  investiga o caso. Ainda não se sabe a motivação da violação do túmulo.

Com informações da TV Caiuá