A Polícia Civil do Paraná (PCPR) prendeu em cumprimento a mandado de prisão preventiva uma mulher, de 36 anos, suspeita de matar o namorado Daniel da Silva, de 27. O crime ocorreu no dia 11 de setembro de 2010, no bairro Pilarzinho, em Curitiba. Ela foi capturada na manhã de segunda-feira (3), no bairro Santa Cândida, na capital paranaense.

(Foto: AEN)

 

O crime teria sido motivado após a mulher descobrir que estava grávida de Silva, que a teria contaminado com HIV.No dia do crime, a vítima estava na companhia da namorada e do irmão dela. Os três discutiram e os dois irmãos envenenaram, agrediram e imobilizaram Silva. O corpo da vítima foi enrolado em um lençol, arrastado até um matagal, nas proximidades de um córrego, onde atearam fogo nele.

Os dois suspeitos estavam foragidos desde 2018. Ainda no mesmo ano, o irmão da mulher foi preso. Porém, comprovou insanidade mental, foi internado e faleceu em 2019.

A ação faz parte da força-tarefa que investiga casos antigos. A PCPR não abandona nenhum caso.