O forte temporal que atingiu a região leste do Paraná nesta terça-feira (19) ainda gera transtornos à população – principalmente aquelas que vivem em municípios da região metropolitana de Curitiba (RMC) e do litoral do Estado.

Além de alagamentos, quedas de árvores e galhos, as chuvas deixaram mais de 3,5 mil consumidores sem energia durante a noite. Um shopping de Curitiba chegou a alagar, como mostrou a Banda B.

sem-luz-energia-copel
Foto: Paulo Pinto/Agência Brasil

Por volta das 9h30 desta quarta-feira (20), ao menos 1.500 clientes da Copel (Companhia Paranaense de Energia) ainda estavam sem luz na região metropolitana da capital e no litoral.

De acordo com a empresa, o serviço foi totalmente restabelecido em Curitiba. “Os municípios mais afetados são Fazenda Rio Grande, com 461 desligados, Campo Magro, com 227 desligados, e Guaraqueçaba, com 108 desligados”, informou a Copel à Banda B.

Segundo o Simepar, o dia amanheceu com a presença de nuvens em várias regiões do Paraná, mas não houve o registro de chuvas. “Em algumas regiões há também restrição de visibilidade (norte e RMC, por exemplo). Temperaturas mínimas bastante elevadas na maior parte do estado, conforme figura em anexo”, disse o órgão.

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

Ao menos 1.500 clientes seguem sem luz no litoral e região metropolitana de Curitiba após temporal

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.