O Núcleo de Combate aos Cibercrimes (Nuciber) coordenou duas ações de combate a streamings ilegais no Paraná. Os mandados foram cumpridos, nesta terça-feira (28), nos municípios de Londrina, no Norte do Estado, e Assis Chateaubriand, no Oeste. A Operação 404 faz parte de uma mobilização internacional coordenada pelo Ministério da Justiça, por meio da Secretaria Nacional de Segurança Pública.

image-17-14
Foto: Divulgação

Durante a ação, foram apreendidos equipamentos eletrônicos, celulares, notebooks e computadores que auxiliarão no andamento das investigações. Entre os alvos, estão principalmente transmissões de jogos da Premier League.

Em entrevista concedida à Banda B, o delegado José Barreto fez um apelo e destacou que o consumo fomenta todo um mercado ilegal de transmissões.

“Não contrate serviços assim, porque você está fomentando toda uma industria ilegal e imoral. São crimes de organização criminosa, lavagem de dinheiro, além da revenda realizada por algumas pessoas. Nós todos temos que lutar por um Brasil correto”, disse.

404

A ação integrada, denominada Operação 404, visa o combate à pirataria online de conteúdos áudio visual, jogos e músicas está sendo deflagrada com a colaboração da embaixada do Reino Unido no Brasil, da Indecopi (Instituto Nacional de Defesa da Concorrência e Propriedade Intelectual) do Peru, por meio da DDA (Direção de Direito de Autor), além da cooperação de associações de proteção da propriedade intelectual no Brasil.

Ao todo, seis fases já foram realizadas.

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

Operação fecha streamings ilegais no Paraná e delegado faz apelo a clientes: “Temos que lutar por um Brasil correto”

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.