A Polícia Civil do Paraná (PC-PR) concluiu o inquérito sobre o acidente envolvendo um ônibus da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) e um trem da concessionária Rumo em Jandaia do Sul, ocorrido em 9 de março deste ano. A colisão provocou cinco mortes e deixou 23 pessoas feridas. Quatro das vítimas eram estudantes e a outra funcionária da Apae.

Foto: Arquivo/TNOnline

O motorista do ônibus foi indiciado por homicídio e lesão corporal culposa na direção de veículo automotor, segundo a PC-PR. Agora, o caso está com o Judiciário.

A conclusão do inquérito demorou quase quatro meses por conta no atraso na finalização de alguns laudos periciais complementares.

Para ler a matéria completa, acesse o portal TNOnline, parceiro da Banda B, clicando aqui.

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

Motorista de acidente com ônibus da Apae é indiciado por homicídio

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.