Constâncio dos Santos Filho saiu de Paranaguá, no Litoral do Estado, para uma consulta médica em Curitiba. O que era para ser apenas mais um dia na rotina do idoso de 72 anos, acabou em medo e luta pela sobrevivência. Dono de um automóvel Virtus, ele e família acabaram atingidos pelo deslizamento de terra na BR-376, na última segunda-feira (28). É o veículo dele, aliás, que aparece em cima de um caminhão branco no local em que o socorro acontece.

Carro de Constâncio parou em cima de um caminhão (Foto: Divulgação PRF)

Em entrevista concedida à Banda B nesta quarta-feira (30), Constâncio descreveu que nem mesmo consegue se lembrar de como tudo ocorreu.

“É tudo tão rápido que você nem lembra de como tudo aconteceu. Quando o carro parou, só percebemos que estávamos em cima da lama. Eu consegui abrir porta do motorista e saí. Foi de lá que puxei minha filha, meu neto e minha esposa”, descreveu.

Constâncio é morador de Paranaguá, mas exatamente naquela noite não retornaria para casa. O destino final da viagem era Jaraguá do Sul, em Santa Catarina. Além dele, estavam no carro a esposa, Marlene; a filha Letícia; e o neto Pedro, de 4 anos.

Carro tombou após ser levantado pela lama (Foto: PRF)

Sobrevivente da tragédia, Constâncio conta que estava parado na rodovia quando tudo aconteceu. Dentre as lembranças, ele cita ver muita lama e uma “cachoeira de água”.

Para Constâncio, ele ser hoje tratado como ‘sobrevivente’ é obra de Jesus Cristo.

“É uma libertação de Deus”, conclui.

Agradecido, ele não sabe os nomes, mas destaca um motorista de ônibus e duas passageiras como “as pessoas que mais ajudaram” sua família.

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

“Libertação de Deus”, diz dono de carro que foi parar em cima de caminhão após tragédia na BR-376

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.