Gustavo Henrique José de Goes, de 25 anos, foi mais uma das vítimas de Covid-19. Ele morreu no dia 6 de dezembro, após ficar internado por uma semana no Hospital Municipal em Mogi das Cruzes (SP).

(Foto: Reprodução)

 

A vítima chegou a procurar ajuda médica em duas ocasiões e, em uma delas, segundo a família, o médico informou que eram sintomas de nervosismo. As informações são do G1.

Também conhecido como “Batata”, ele era apaixonado por música e se orgulhava em ser ritmista na Escola de Samba Unidos da Vila Industrial. Ele deixa dois filhos: Davi, de 4 anos, e João, com apenas 11 meses.

Para ler a matéria completa no Metrópoles, parceiro da Banda B, clique aqui.