A estudante de Medicina Veterinária Maria Eduarda Catão, conhecida por ser a princesa do Jaguariúna Rodeo Festival 2019, morreu aos 21 anos. De acordo com publicações de familiares nas redes, Maria descobriu há pouco tempo uma doença rara autoimune que atacou o fígado e não resistiu. Segundo a funerária Bom Pastor na cidade do interior paulista, ela morreu na segunda-feira e foi enterrada no dia seguinte. As informações são do UOL.

(Foto: Reprodução)

Adriana, mãe de Maria, publicou nas redes sociais diversos pedidos de oração pela filha e explicou, no dia 30 de outubro, que a jovem tinha uma doença autoimune, mas que estava sendo tratada com medicamentos na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Hospital de Clínicas da Unicamp (Universidade Estadual de Campinas).

“Nesse momento [Maria] está sendo com tratada com medicamentos e com fé em Deus vai livrar do transplante do fígado e restabelecer toda saúde. Eu creio em nosso Deus. Ela está na UTI da Unicamp e é necessário que esteja dormindo para que não sofra. Tenham fé acredito no Deus do impossível que ele já salvou minha filha. Obrigada de coração a todos que estão nos ajudando nas correntes de oração isso alegra nosso Deus. Eduarda será testemunha viva do milagre eu creio”, escreveu.

Para ler a matéria completa no UOL clique aqui.