A PF faz nesta segunda-feira (4) uma operação contra um esquema de tráfico internacional de bebês. Os recém-nascidos seriam levados do interior de São Paulo para Portugal.

Envolvidos podem responder por crimes que podem render até 18 anos de prisão - Foto ilustrativa: Pixabay
Envolvidos podem responder por crimes que podem render até 18 anos de prisão – Foto ilustrativa: Pixabay

PF cumpre seis mandados -cinco de busca e um de prisão preventiva- nas cidades de Valinhos e Itatiba, as duas a cerca de 80 km da capital.

Homem de nacionalidade portuguesa registrou ao menos duas recém-nascidas no mesmo hospital de Valinhos. Segundo a PF, os registros foram feitos com documentos falsos.

Envolvidos podem responder por crimes que podem render até 18 anos de prisão, como tráfico internacional de crianças, registro falso e outros.

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

PF investiga tráfico de recém-nascidos que seriam levados de SP a Europa

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.