A Polícia Federal prendeu nesta terça-feira (9), em Feira de Santana (BA), um hacker suspeito de invadir sites do Senado, Exército Brasileiro e TSE (Tribunal Superior Eleitoral).

O homem é suspeito de ser responsável pelo maior vazamento de dados do Brasil. Informações de 223 milhões de brasileiros foram divulgadas em 2021. Nome completo, endereço e CPF foram comercializados.

suspeito-maior-caso-hacker-brasil
O suspeito, morador da cidade de Feira de Santana (BA), estava foragido desde 2023. Foto: Montagem Banda B – Reprodução/Tv Integração e PF/Divulgação

Ele já invadiu sites de autoridades e instituições. Senado, Exército Brasileiro, TSE (Tribunal Superior Eleitoral), Polícia Civil de Minas Gerais, Ministério Público de Minas Gerais e o Tribunal de Justiça de Goiás foram alvos do hacker.

O suspeito, morador da cidade de Feira de Santana (BA), estava foragido desde 2023. Ele arrancou a tornozeleira eletrônica que usava após investigações das operações Deepwater e Defaced.

Ele está preso preventivamente. O mandado de prisão foi cumprido na manhã desta terça-feira e ele ficará à disposição da Justiça no Centro de Observação Penal, em Salvador.

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

Hacker suspeito pelo maior vazamento de dados do Brasil é preso pela PF

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.