Leonardo Diniz estava prestes a se formar em administração Foto: Reprodução / Facebook

Uma das vítimas fatais da tragédia de Brumadinho é Leonardo Alves Diniz, de 33 anos. Casado e pai de um menino de 7 anos, ele morava em Sarzedo, município da Região Metropolitana de Belo Horizonte. Era funcionário da Vale há mais de dez anos. Trabalhava como técnico em manutenção. Estava de folga e havia acordado para renovar a carteira de motorista quando foi convocado para fazer plantão na empresa. Até as 14h deste domingo, 16 corpos tinham sido identificados.

O corpo de Leonardo foi reconhecido no Instituto Médico Legal (IML) e será velado neste domingo, às 13h, no Cemitério Bom Jardim, em Mário Campos, cidade vizinha a Brumadinho. Segundo uma parente que não quis se identificar, Leonardo era uma pessoa correta e que “amava sem reservas”. Estava prestes e se formar em administração.

Para ler a matéria completa no Extra clique aqui.