Uma criança de 3 anos morreu após ser arremessada pela janela pelo padrasto no início da tarde de hoje, no Cachambi, Zona Norte da cidade. O menino Enzo Almeida Pelegrini chegou a ser socorrido e levado para o Hospital municipal Salgado Filho, no Méier, mas não resisitiu. O padrasto pulou pela janela após ter jogado a criança e morreu na hora.

(Foto: Google Maps)

 

Camila Cerqueira, a mãe de Enzo Almeida Pelegrini, contou na delegacia que mantinha um relacionamento com Luiz Eduardo Lopo, de 38 anos, há oito meses. Ela disse que suspeitava que ele sofresse de problemas psiquiátricos, embora não fizesse nenhum tipo de tratamento.

Muito abalado, o pai do menino, Adriano Bruno Peregrino da Silva, esteve no hospital para levar a documentação da criança e não quis falar com a imprensa. Ele contou a um policial militar, que trabalha na unidade de saúde, que brigava há um ano e meio pela guarda do filho na Justiça.

Para ler a matéria completa no Extra clique aqui.