Não é novidade que, com o tempo, nos tornamos mais e mais dependentes do celular. Email, mensagens, redes sociais, música, relógio… Tudo está concentrado em um aparelho que cabe no bolso.

(Foto: EBC)

 

Além do debate sobre se os smartphones são prejudiciais ou não à saúde, há outros elementos sobre o uso desses telefones que são interessantes de se analisar.

Um estudo recente mostrou que a diferença entre a velocidade de digitação em teclados virtuais e físicos está diminuindo.

“Ficamos surpresos ao ver que usuários que escrevem com os dois polegares no celular alcançaram uma média de 38 palavras por minuto, o que é apenas 25% mais lento do que em um estudo semelhante em grande escala com teclados físicos”, diz Anna Feit, da Universidade ETH em Zurique, Suíça e coautora da pesquisa.

Para ler a matéria completa na BBC Brasil clique aqui.