O governo da Rússia anunciou nesta segunda-feira (30/11) que entregou o primeiro lote das vacinas Sputnik V destinado à população civil em um hospital a 35 quilômetros de Moscou. A vacinação teria começado na semana passada.

PIXABAY

 

De acordo com informações da Reuters, o hospital seria o da cidade de Domodedovo. O centro médico afirma que as pessoas que desejarem receber o imunizante devem se registrar em um site do governo com antecedência e, no dia da aplicação, precisam levar um teste negativo para Covid-19 e o documento de identificação.

A vacina russa foi desenvolvida pelo Instituto Gamaleya, com recursos do Fundo Russo de Investimento Direto (RDIF). No Brasil, os russos se associaram ao laboratório privado União Química, que pretende ser um polo de produção do imunizante para a América Latina.

Para ler a matéria completa no Metrópoles, parceiro da Banda B, clique aqui.