A polícia italiana desmantelou ontem um grupo de ideologia nazista e antissemita e apreendeu várias armas dentro da operação Sombras Negras. A investigação, que já durava dois anos, foi conduzida pela Divisão de Investigações Gerais e Operações Especiais da cidade de Enna, na Sicília, e pelo Serviço Antiterrorismo.

(Foto: Reprodução EBC)

Ao todo, foram cumpridos 19 mandados de busca e apreensão em várias regiões italianas. O grupo, que se denominava Partido Nacional Socialista Italiano dos Trabalhadores, tinha como um dos principais líderes um membro da Legião Estrangeira Francesa, investigado por conexões com a ‘Ndrangheta, a máfia da Calábria. (Com agências internacionais)