ZDENEK NEMEC / MAFRA / PROFIMEDIA

 

Um homem morreu ao ser atacado por um dos leões que criava no quintal de casa na cidade de Zechov, no leste da República Tcheca.

Michal Prasek, de 33 anos, era dono de dois leões – um macho de nove anos, autor do ataque, e uma fêmea mais nova -, o que era motivo de preocupação dos vizinhos.

O pai encontrou o corpo do filho dilacerado dentro da jaula na manha de terça-feira e contou à imprensa local que ela estava trancada por dentro.

Os animais – que viviam em compartimentos separados – foram mortos a tiros pela polícia, que alegou ser a única maneira de recuperar o corpo. De acordo com o site de notícias Novinky.cz, a fêmea estava grávida.

O corpo de Prasek foi levado para autópsia, que vai confirmar a causa da morte.

Para ler a matéria completa na BBC Brasil clique aqui.