A NASA divulgou uma nova imagem em altíssima resolução do asteroide Bennu (clique aqui), registrada pela sonda OSIRIS-Rex, que mostra o asteroide em detalhes nunca antes divulgados. A foto ajudará a guiar a nave em sua missão até a superfície dele, com o objetivo de coletar amostras para análise na Terra.

(Foto: Reprodução)

 

Feita a partir de 2.155 imagens registradas pela sonda espacial, com 5 cm por pixel, esta superfoto tem a resolução mais alta na qual um corpo planetário já foi mapeado. Ela foi feita entre os dias 7 de março e 19 de abril de 2019, a cerca de 3 a 5 quilômetros de distância da superfície do Bennu.

O mapa criado com as fotografias ajudou a equipe da missão a escolher os possíveis locais de pouso da OSIRIS-Rex. Inicialmente, os pesquisadores definiram quatro regiões, até chegar à área escolhida: uma cratera de 140 metros de largura, batizada de Nightingale.

Para ler a matéria completa no MSN clique aqui.