Narendra Modi, primeiro-ministro da Índia, anunciou nesta terça-feira (24) que, a partir de quarta-feita (25), todos os habitantes do país devem entrar em confinamento total por três semanas para combater a pandemia do novo coronavírus.

Os habitante indianos, que somam 1,3 bilhão de pessoas, estarão proibidos de saírem de suas casas. “Haverá uma proibição total de sair de suas casas”, afirmou Modi em discurso transmitido pela televisão.

 

Divulgação

 

A Índia acumula até agora 482 registros de casos de Covid-19 confirmados, além de nove mortes decorrentes da doença. O governo indiano já havia proibido todas as viagens aéreas e de trem, além de imposto um fechamento ao comércio e a suspensão das aulas.

Devido ao tamanho da população país, o confinamento imposto pela Índia é o maior da história.