Um britânico de 38 anos foi pego na mentira depois de passar um ano fingindo ter câncer terminal no para evitar um término de namoro. Kevin Bevis chegava a tomar 20 comprimidos por dia na luta contra a doença que nunca existiu. A história foi revelada pela então namorada, Karen Gregory, de 50 anos, ao jornal Kent Online, do Reino Unido. As informações são do Extra.

(Foto: Instagram)

 

Karen e Kevin se conheceram através de uma rede social, em 2016, e logo começaram o relacionamento. Foi em maio de 2018, depois que ela tentou terminar, que ele disse a ela que tinha câncer de estômago

Para ler a matéria completa no Extra clique aqui.