O governo chinês enviou as felicitações ao presidente eleito dos Estados Unidos, Joe Biden, nesta sexta-feira (13/11). Em 2016, quando Donald Trump foi eleito e a adversária, Hillary Clinton, aceitou a derrota, o presidente Xi Jinping o parabenizou no dia seguinte.

 

 

O reconhecimento da eleição de Biden ocorre quase uma semana após a apuração dos votos declará-lo vencedor. Na segunda-feira (9/11), primeiro dia útil após as urnas apontarem vitória do democrata, o porta-voz do ministério das Relações Exteriores da China, Wang Webin, havia se limitado a dizer que o resultado seria “determinado de acordo com as leis e procedimentos dos EUA”.