Logo após o médico da Casa Branca afirmar que Donald Trump “está muito bem”, uma fonte familiarizada com a saúde do presidente disse a jornalistas que a condição do republicano é crítica.

Segundo ela, as próximas 48 horas serão vitais e ainda não está claro como será a recuperação de Trump.

Foto: Reprodução/Twitter

A informação foi repassada via “pool” -o grupo de jornalistas que tem acesso direto aos eventos oficiais e é responsável por distribuir informações da Casa Branca aos demais repórteres. Inicialmente, a fonte de informação não foi identificada.

A rede de TV CNN e o jornal britânico The Guardian, porém, indicaram que a fonte provavelmente é o chefe de gabinete de Trump, Mark Meadows, que foi visto falando com os jornalistas logo após o fim da entrevista coletiva de Sean Conley, o médico da Casa Branca.