O presidente eleito Joe Biden não lamentou a decisão de Donald Trump de não ir à cerimônia de posse, em 20 de janeiro. Para ele, a ausência do rival “é uma das poucas coisas em que ele eu já concordamos. Ele não aparecer é uma coisa boa”.

Foto: Morry Gash/Pool/ AFP

Trump avisou nesta sexta (8) que não irá ao evento, quebrando uma tradição de que os presidentes estejam presentes na posse de seu sucessor. O republicano será o quarto presidente americano na história a quebrar esta tradição.

Na entrevista coletiva, Biden também disse que o possível impeachment de Trump é uma decisão que cabe ao Congresso.