Da Redação

A água pode ficar até 12,5% mais cara no Paraná nos próximos meses. A Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar) solicitou no início desta semana esse percentual de aumento na tarifa. O pedido foi levado ao Instituto das Águas, responsável pela fiscalização do serviço de saneamento básico no estado.

O valor pedido pela Sanepar será avaliado pelo instituto e levado para o governador Beto Richa (PSDB), que pode vetar ou aceitar. Essa decisão deverá ser tomada nas próximas semanas, com o início do novo valor para o consumidor provavelmente em abril ou maio.

aguaÁgua vai subir no Paraná (Foto: Divulgação)

Vale lembrar que, se aprovado, este será o quinto reajuste da gestão de Beto Richa. A tarifa ficou congelada entre 2005 e 2010, durante os governos de Roberto Requião e Orlando Pessuti. Em abril de 2011, subiu 16% e em abril de 2012, 16,5%. Na época, a justificativa dada pelo Governo era “recuperar a defasagem da tarifa que ficou congelada por cinco anos”.  Já em 2013, o reajuste foi de 6,9% e em 2014 de 6,4%.

Atualmente, a taxa básica de água é de R$ 46,51. É nela em que o reajuste é aplicado.

Notícia Relacionada:

Tarifa de água e esgoto terá aumento de 6,4% a partir de março de 2014, confirma Sanepar