Entraram na reta final os trabalhos de revitalização do Parque Atuba, na divisa de Curitiba com Colombo. O local, bastante frequentado em tempos normais pelos moradores da região, vai voltar como uma alternativa completa de esportes e lazer após a pandemia do novo coronavírus.

(Foto: SMCS)

 

Em vistoria às obras, na tarde desta sexta-feira (10/7), o prefeito Rafael Greca lembrou que as melhorias eram uma demanda da população, expressa por meio do Fala Curitiba.

“Estamos requalificando o espaço com um lindo trabalho da Secretaria Municipal do Meio Ambiente, com novas e melhores pistas de caminhada, quadras, canchas e parquinhos infantis, além da ampliação de infraestrutura de estacionamento”, enumerou o prefeito.

A secretária municipal do Meio Ambiente, Marilza Oliveira Dias, lembrou que as intervenções no parque são parte de um grande trabalho de melhoria de manutenção e também de requalificação dos espaços urbanos da Prefeitura.

“São os locais onde a cidade respira e as pessoas se encontram, por isso é tão importante devolvê-los aos curitibanos da forma como eles merecem”, disse.

“Nossos esforços, agora, são para que todos desfrutem dos espaços com muita saúde, assim que a situação de emergência da covid-19 acabar”, completou a secretária do Meio Ambiente.

O diretor do Departamento de Parques e Praças da Secretaria, Jean Brasil, também esteve na vistoria.

Setorização

A área de 173 mil metros quadrados, na divisa com o município de Colombo, ganha novas pistas de caminhada, ciclovias, parquinhos para crianças, kits de ginástica, áreas de estar e estacionamentos, além de um novo portal de entrada e revitalização dos equipamentos existentes. O investimento é de cerca de R$ 1,6 milhão.

Com a requalificação, o local ganha quatro setores – denominados alamedas. A principal – com paisagismo, áreas de estar e um portal; a esportiva, onde se concentram as quadras para a prática de vôlei e futebol, equipamentos de ginástica e parquinho; e as duas alamedas menores, que dão acesso às churrasqueiras e a uma nova quadra poliesportiva e novo parquinho.

As alamedas, assim como os equipamentos que as compõem, são ligadas por vários caminhos, entre eles os revitalizados (cerca de 5 mil metros quadrados) e os novos caminhos propostos (cerca de 3 mil metros quadrados), além de outros serviços previstos, como drenagem, sinalização, paisagismo, colocação de bancos, lixeiras, gradis e plantio de 51 novas árvores.