Um detento da carceragem da Delegacia de Polícia Civil de Dois Vizinhos, no Sudoeste do Paraná, foi encontrado morto na tarde de sábado (19). O homem de 58 anos, que era pastor evangélico, foi preso na sexta-feira (18), por conta de um mandado de prisão expedido contra ele pela Vara Criminal de Cuiabá (MT), pelo crime de estupro de vulnerável.

(Foto: Catve.com)

 

O homem foi condenado a 30 anos pelo crime praticado em 2011, contra uma menina de 7 anos. A sentença foi proferida pela Justiça em 2018 e, desde então, o acusado estava foragido. Dessa forma, foi expedido um mandado de prisão em desfavor dele.

A Polícia Civil recebeu informações que o homem estaria na cidade de Planalto, também no Sudoeste do Paraná, onde seria pastor de uma igreja evangélica. Contudo, ele não foi localizado. Na sexta, a Polícia Militar recebeu novas denúncias e localizou o acusado na cidade de Dois Vizinhos.

Já no sábado, o homem foi encontrado morto em sua cela, onde estava sozinho. Poucas horas antes, ele havia recebido a visita do filho, o qual lhe entregou um lanche e uma bíblia. Após perícia no cubículo, o corpo do detento foi recolhido ao IML (Instituto Médico-Legal) de Francisco Beltrão.

Para mais informações sobre a região Oeste acesse o Catve.com clicando aqui.