O Governo do Estado lançou nesta quinta-feira (5), na Universidade Estadual de Londrina (UEL), um novo serviço de atendimento à população chamado Saúde Online Paraná. A plataforma inovadora utiliza um sofisticado sistema de Inteligência Artificial, que vai conectar os pacientes e profissionais da Saúde de forma personalizada e eficiente. Para fazer download do aplicativo, clique aqui.

O aplicativo será usado como medida de prevenção e combate à Covid-19, infecção respiratória grave, causada pelo novo coronavírus e seus efeitos psicológicos, além do monitoramento de doenças crônicas, que podem agravar o quadro clínico de pessoas contaminadas.

 

Este é o aplicativo oficial do Governo do Estado do Paraná para auxiliar os cidadãos a realizarem uma autoavaliação de saúde com foco no coronavírus, oferecendo um direcionamento para o acesso à saúde do Estado neste momento de pandemia da Covid-19.
Curitiba – 04/11/2020 – Foto: Geraldo Bubniak/AEN

 

Para o governador Carlos Massa Ratinho Junior, o novo aplicativo multiplica o alcance das medidas de proteção e atenção em saúde do Governo do Estado. “Um projeto inovador, que alia tecnologia e profissionais gabaritados para aprimorar e ampliar o atendimento à saúde da população em um momento tão delicado como este”, disse ele. “Estamos implantando sistemas inovadores para aproximar o governo da população e aprimorar serviços públicos”, afirmou.

Ratinho Junior também destaca que as medidas para o enfrentamento da pandemia incluem a expansão da oferta de leitos para pacientes da Covid-19, entrega de novos hospitais, parcerias para produção de vacina, além de proteção às pessoas mais vulneráveis. “O Saúde Online Paraná vem reforçar o rol de medidas de combate à Covid-19, consolidando nosso Estado como uma referência nesta área”.

O superintendente de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Aldo Bona, enfatiza que o novo aplicativo vai beneficiar a saúde física e mental da população. “Ele permitirá o acompanhamento de relatórios e indicadores integrados sobre a situação da pandemia no Estado”, afirma, destacando melhorias no processo de tomada de decisões estratégicas por parte do Governo do Estado.

APLICATIVO

No aplicativo, disponível inicialmente para Android na Play Store, os cidadãos poderão acessar informações oficiais sobre o novo coronavírus e receber atendimento de profissionais da saúde de plantão, tanto para buscar orientações relacionadas à Covid-19, quanto para outras doenças. A plataforma localiza as unidades de saúde mais próximas ao cidadão e apresenta informações sobre atendimentos. Em breve, o aplicativo estará disponível também na App Store para IOS.

“Precisamos utilizar todas as ferramentas e estratégias disponíveis para a promoção da saúde da nossa população. Já tivemos um período de uso do aplicativo extremamente bem-sucedido e apresentamos agora o aprimoramento do serviço”, destacou o secretário de Estado da Saúde, Beto Preto.

INOVAÇÃO

O novo aplicativo foi desenvolvido pela Techtools Health Innovation, empresa de inovação em saúde, a partir de uma demanda da Superintendência Geral e Ciência, Tecnologia e Ensino, com o apoio da Secretaria de Estado da Saúde.

“Reunimos as melhores tecnologias de certificação de identidade, triagem, inteligência artificial e telessaúde. Com base nesses dados, o Estado poderá gerir as políticas de Saúde Pública de forma ainda mais assertiva, engajando a comunidade na vigilância participativa”, comenta Jeff Plentz, fundador da empresa parceira.

Coordenadora do projeto de extensão UEL pela vida e contra o Coronavírus, Daniela Frizon Alfieri explica que a universidade será responsável pela coordenação da iniciativa. “A UEL já trabalhava com o conceito de telessaúde antes da pandemia, sendo referência no Paraná. Possuímos profissionais qualificados em diferentes áreas que vão contribuir para ampliar o acesso dos paranaenses ao serviço de saúde, reforçando o combate ao coronavírus”.

FUNCIONALIDADES

Os cidadãos cadastrados no aplicativo podem incluir os familiares que não possuem dispositivos móveis com acesso à Internet. Depois do cadastro, os pacientes passam por uma triagem rápida, selecionando as seguintes opções: Suspeita de Covid-19; Retorno de Covid-19 positivo; e Contato com Covid-19 positivo.

De acordo com o resultado da triagem, o paciente pode ser encaminhado a uma unidade de pronto atendimento ou realizar uma consulta remota com os médicos da plataforma, no período das 8 às 23 horas, diariamente. As consultas são realizadas pelo próprio aplicativo, por meio de Teleconsulta.

Caso seja necessário, os médicos podem prescrever medicamentos e emitir atestados digitais. Os médicos que atuam no Teleatendimento têm acesso ao histórico completo de consultas realizadas pelos pacientes, agilizando os diagnósticos e prognósticos.

INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL

O Saúde Online Paraná utiliza recurso de Inteligência Artificial para identificar mais de 750 condições físicas e mentais diferentes. Ao responder um questionário fácil e intuitivo, o cidadão terá uma sugestão do nível de criticidade de sua condição de saúde e poderá se programar para procurar o atendimento médico indicado.

TELEMEDICINA

A Telemedicina é um segmento da saúde que utiliza Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) na atenção médica a pacientes e profissionais da área, situados em locais diferentes, principalmente casos médicos em que a distância representa fator crítico na oferta de serviços de saúde.

Esse serviço remoto possibilita o suporte ao diagnóstico clínico, permitindo a interpretação de exames e a emissão de laudos médicos a distância. A especialidade está amparada pelo Conselho Federal de Medicina (CFM), por meio da Resolução CFM nº 1.643/2002, com reconhecimento da Organização Mundial da Saúde (OMS), desde a década de 1990.

SEGURANÇA

O aplicativo preza pelos mais rígidos controles de privacidade, a fim de garantir que os dados de identidade dos cidadãos sejam preservados. As informações contidas na plataforma não serão usadas para nenhum outro fim, que não a segurança e a proteção sanitária da população paranaense.