Por Luiz Henrique de Oliveira e Djalma Malaquias

Motoristas do Uber foram multados em fiscalização na saída do Afonso Pena (Foto: Djalma Malaquias – Banda B)

Motoristas do aplicativo Uber foram multados por transporte irregular durante uma operação da Prefeitura de São José dos Pinhais, região metropolitana de Curitiba, na manhã desta segunda-feira (24). Na cidade, o Uber não é regulamentado e passível de multa, como aconteceu durante a operação na saída do Aeroporto Internacional Afonso Pena.

Gustavo Menezes, motorista do Uber, lamentou a atitude da prefeitura. “É uma fiscalização para pararem apenas motoristas do Uber. Nenhum taxista foi parado e condutores do aplicativo estão sendo multados.Questionamos o critério e a seleção dos veículos, porque parece que tudo é premeditado”, desabafou à Banda B.

No local da operação, o secretário municipal de Segurança de São José dos Pinhais, Adriano Marcus Carias Muhlstedt, afirmou que a operação é de rotina. “Estamos sempre fiscalizando o transporte regular e o aplicativo Uber não está regulamentado no município, existe um tramite na Câmara Municipal, mas ainda é considerado irregular”, descreveu.

O secretário explicou qual a sanção para os motoristas flagrados com passageiros. “Eles são comunicados e se tiverem problemas com veículo são notificados e não podem fazer o transporte do passageiro, recebendo uma multa”, concluiu.

Fotos nas redes de carros que supostamente seriam do Uber em filas duplas na Rodo

Uber na Rodoviária

Nas redes sociais, multiplica-se o número de reclamações de taxistas sobre motoristas do aplicativo Uber que estariam apanhando e buscando passageiros na Rodoferroviária de Curitiba em locais proibidos.

“Depois do decreto do prefeito Greca, que nem está regulamentado ainda, a Rodoferroviária virou terra de ninguém. Os motoristas do Uber estacionam em fila dupla, tripla, em local proibido e ninguém faz nada. Não tem um guarda da Setran multando ou fiscalizando. nada. Por que a lei é só pra gente e não pra eles?”, desabafa um dos taxistas nas redes.

A Banda B entrou em contato com a assessoria da prefeitura de Curitiba sobre a fiscalização na Rodoferroviária e aguarda retorno.