O trabalho de parada na Estação de Tratamento de Água Iraí, em Curitiba, para a segunda etapa da limpeza da unidade, na terça-feira (28), fez com que bairros de sete cidades – inclusive Curitiba – tivessem falta de água. A normalização, que estava prevista para a madrugada de quarta-feira (29), ocorreu com atraso, o que afetou o sistema em Curitiba e outras três cidades.

Conforme a Sanepar, a parada ocorreu de forma escalonada entre os centros de distribuição. Uma teve início às 5h de terça, com normalização às 5h da manhã de quarta-feira. A outra começou às 13h de terça, com normalização às 13h de quarta-feira.

Foi prorrogado o horário de normalização do abastecimento de água em bairros de Curitiba, Colombo, Pinhais e Piraquara. A prorrogação se deve ao fato de a limpeza do reservatório da Estação de Tratamento de Água Iraí ter sido concluída à 1 hora da madrugada, além do previsto.

Embora a produção já tenha sido retomada durante a madrugada, a normalização está ocorrendo de forma gradativa até às 16h.

Veja a lista dos bairros e cidades afetadadas:

Piraquara: Jardim Veneza, Vila Osternak, Jardim Mirte, Jardim das Laranjeiras, Vila Remo, Jardim Olinda, Jardim Santa Maria, Planta Rita de Cássia, Jardim Santa Mônica, Vila Dalila, Jardim Esmeralda, Jardim Primavera, Ipanema, Vila Santa Helena, Jardim Águas Claras, Jardim dos Estados, Bom Jesus, Vila Izabel, São Cristóvão, Vila Marumby, Vila Juliana, Vila Militar, Vila Macedo, Vila Suzi, Planta Simone, Planta Cruzeiro, Vila Franca, Vila Fuck, Jardim Santa Clara, Planta São Tiago, Planta Deodoro e Capoeira dos Dinos.

Pinhais: Alphaville Graciosa

Colombo: Campo Pequeno, Osasco, Roça Grande, Curitibanos, São Gabriel, Monza, Vila Guarani, Vila Zumbi, Guaraituba, Maracanã, Atuba, Rio Pequeno, Rio Verde, Alto da Cruz, Mauá e Palmital.

Curitiba: Atuba e Santa Cândida.

Podem ficar sem água clientes que não possuem caixa-d’água domiciliar. A Sanepar lembra que, de acordo com norma da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), cada imóvel deve ter caixa-d’água com capacidade para atender as necessidades dos moradores por, no mínimo, 24 horas. O reservatório domiciliar deve armazenar pelo menos 500 litros.

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

Falta de água: normalização de abastecimento após limpeza afeta Curitiba e outras três cidades

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.