Lindo como sempre e ainda mais seguro, o mirante do Bosque Alemão terá o acesso liberado a partir deste fim de semana para os visitantes da unidade de conservação, que fica no Vista Alegre. A estrutura foi interditada para substituição e recuperação de peças.

Mirante Torre dos filósofos no Bosque Alemão .
Foto: Ricardo Almeida/SMCS (arquivo)

 

Foram trocadas, aproximadamente, 20 vigas de sustentação do assoalho, 200 peças do assoalho e 80 peças do guarda-corpo (corrimão). Além disso, foi feito o tratamento das peças estruturais de aço que auxiliam na sustentação do mirante e a revisão das demais peças da estrutura.

O investimento, em torno de R$ 75 mil, inclui nova pintura de proteção da madeira de todas as estruturas.

“O trabalho é resultado de vistorias constantes que as equipes de manutenção de parques promovem em toda a cidade”, conta a gerente de Parques da Secretaria Municipal do Meio Ambiente, Walquíria Pizzatto Lima.

De acordo com ela, trocas pontuais acontecem com frequência em todos os locais que contam com este tipo de estrutura. A Universidade Livre do Meio Ambiente, no Bosque Zaninelli, por exemplo, teve as peças trocadas em 2018 e a ponte do Parque Barigui foi recuperada no início deste ano.

Mais melhorias

Ainda no Bosque Alemão, as equipes de manutenção da Secretaria do Meio Ambiente fizeram a pintura da cascata e a reforma da bomba. O deque do laguinho também foi recuperado e há programação de desassoreamento do lago dentro do contrato de dragagem de lagos urbanos, com trabalhos em andamento nos parques Barigui e Bacacheri.