Por Elizangela Jubanski e Bruno Henrique

curi7Protesto tomou conta das ruas do centro de Curitiba – Foto: Bruno Henrique/Banda B
protesto-curitiba-80 milManifestantes somam cerca de 80 mil. Foto: Diego Duarte

Os manifestantes de Curitiba tomam conta das ruas do centro de Curitiba na tarde deste domingo (15) em protesto que pede o impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT). Por volta das 16 horas, a Polícia Militar informou que o protesto atingiu 80 mil pessoas em três pontos do Centro: Boca Maldita, Praça Santos Andrade e Avenida Marechal Deodoro. Uma hora antes, a estimativa era de 20 mil pessoas. Eles começaram a caminhar da Praça Santo Andrade em direção à Boca Maldita por volta das 14h30. Saíram pela Rua João Negrão e caminham pela Avenida Marechal Deodoro. A movimentação ainda é grande, mas, por volta das 17h20, os manifestantes começaram a se dispersar.

Para esse ato, intitulado “Impeachment Já”, 15 mil pessoas confirmaram presença por meio de uma página criada na rede social Facebook, mas a adesão é bem maior. Ainda pela manhã, a movimentação era tranquila, no entanto, por volta das 13h30, havia registro de cerca de 1,5 mil participantes do evento. Uma hora depois, já eram cerca de 5 mil reunidas, sempre de forma pacífica. Por volta das 15 horas, o número chegou a 20 mil, segundo a PM. Agora, as 16 horas chegou a 80 mil.

A concentração inicialmente,  aconteceu na Praça Santos Andrade e várias ruas ao redor do local  estão bloqueadas. Viaturas da Polícia Militar (PM) e da Guarda Municipal (GM) acompanham a chegada e caminhada dos manifestantes. Um caminhão de som está no local, já tocou o Hino Nacional e a letras da música ‘Que País É Esse?’ da banda Legião Urbana.

Vários manifestantes vestem camisas verdes e amarelas, outros da Seleção Brasileira e também Fora Dilma ou Basta. Há diversas bandeiras do Brasil com mensagens de protesto. Há cartazes anti-corrupção, anti-Dilma e, pelo menos dois deles, pedem intervenção militar.

Avenida Paulista

Em São Paulo, por volta das 15 horas, a manifestação pelo impeachement de Dilma Rousseff reunia cerca de 540 mil pessoas e já era o maior do país. Também em São Paulo o protesto segue pacífico.

Ponta Grossa

Pela manhã aconteceu manifestação em Ponta Grossa, onde os manifestantes percorreram a Avenida Vicente Machado e foram até o  Parque Ambiental. Cerca de 2,5 mil pessoas participaram do ato, segundo a PM e organizadores do evento. A manifestação teve início por volta das 9h e acabou próximo ao meio-dia.

Brasil

Em todo o Brasil, as manifestações começaram ainda pela manhã e reuniram milhares de pessoas nos centros das capitais e também em cidades do interior. Em Minas Gerais, a Polícia Militar (PM) estimou cerca de 25 mil participantes. No Rio de Janeiro, milhares de manifestantes estão na orla da Praia de Copacabana, na altura do Posto 5. Às 11h, segundo a última avaliação da PM, o público era de 15 mil.

No Distrito Federal, a polícia  estima cerca de 30 mil pessoas próximo ao Congresso Nacional para a manifestação. A manifestação em São Paulo também começou pela manhã e reúne dezenas de pessoas, mas não há número oficial ainda pela manhã, no entanto, os manifestantes afirmam que há cerca de 20 mil pessoas na Avenida Paulista. Em Salvador, manifestantes também se reuniram por volta das 10 horas e somaram cerca de 4 mil pessoas. No Recife, a manifestação acontece na Praia da Boa Viagem.