Na primeira manhã de funcionamento das barreiras nas entradas de Balneário Camboriú, para conter o avanço do coronavírus, veículos com placas de cidades vizinhas, como Itajaí, foram retidos. Os motoristas precisaram comprovar que estavam entrando no município a trabalho.

(Foto: PX Here / Domínio Público)

 

A medida contraria o decreto que estabeleceu as barreiras, publicado na quarta-feira (18) pelo Fabrício Oliveira. O texto cita, especificamente, cidades onde há contaminação comunitária pelo covid-19.

No fim da tarde de quarta-feira, o secretário de Segurança, David Queiroz, reiterou à coluna que a retenção seria para carros que viessem de áreas de risco. A prefeitura de Balneário Camboriú ainda não esclareceu a mudança de procedimento.

Para ler a matéria completa no NSC Total clique aqui.