Para reforçar o desenvolvimento e reeducação social sobre os direitos que as mulheres devem ter na sociedade, é comemorado em 30 de abril, o Dia Nacional da Mulher.

Assim como o Dia Internacional da Mulher, celebrado em 8 de março, essa data também homenageia e lembra a luta das mulheres na conquista de seus direitos. No entanto, a data nacional das mulheres não é tão difundida quanto a internacional no Brasil.

Pensando em tudo isso, a Banda B foi até o mercado e selecionou 4 livros feministas que estão essenciais para lembrar da importância da luta de meninas e mulheres pela igualdade.

Confira a lista!

Os Homens Explicam Tudo para Mim

Os Homens Explicam Tudo para Mim

R$21,76

ComprarNeste livro, a autora foca seu olhar inquisitivo no tema dos direitos da mulher começando por nos contar um episódio cômico: um homem passou uma festa inteira falando de um livro que ela ´deveria ler´. A partir dessa situação, Rebecca vai debater o termo mansplaining, o fenômeno machista de homens assumirem que, independente do assunto, eles possuem mais conhecimento sobre o tema do que as mulheres, insistindo na explicação, quando muitas vezes a mulher tem mais domínio do que o próprio homem. Curtiu? Clique nos links e conheça o produto!
Produto disponível em Amazon Amazon.
Eu Sou Malala

Eu Sou Malala

R$29,89

ComprarQuando o Talibã tomou controle do vale do Swat, uma menina levantou a voz. Malala Yousafzai recusou-se a permanecer em silêncio e lutou pelo seu direito à educação. Mas em 9 de outubro de 2012, uma terça-feira, ela quase pagou o preço com a vida. Malala foi atingida na cabeça por um tiro à queima-roupa dentro do ônibus no qual voltava da escola. Poucos acreditaram que ela sobreviveria. Mas a recuperação milagrosa de Malala a levou em uma viagem extraordinária de um vale remoto no norte do Paquistão para as salas das Nações Unidas em Nova York. Curtiu? Clique nos links e conheça o produto!
Produto disponível em Amazon Amazon.
Pós-F: Para Além do Masculino e Feminino

Pós-F: Para Além do Masculino e Feminino

R$24,90

ComprarEm sua primeira obra de não ficção, Fernanda Young se insere no acalorado debate sobre o que significa ser homem e ser mulher hoje. Em textos autobiográficos, ela se revela como uma das tantas personagens femininas às quais deu voz, sempre independentes e a quem a inadequação é um sentimento intrínseco. Curtiu? Clique nos links e conheça o produto!
Produto disponível em Amazon Amazon.
Quem Tem Medo do Feminismo Negro?

Quem Tem Medo do Feminismo Negro?

R$16,90

ComprarQuem tem medo do feminismo negro? reúne um longo ensaio autobiográfico inédito e uma seleção de artigos publicados por Djamila Ribeiro no blog da revista Carta Capital , entre 2014 e 2017. No texto de abertura, a filósofa e militante recupera memórias de seus anos de infância e adolescência para discutir o que chama de silenciamento, processo de apagamento da personalidade por que passou e que é um dos muitos resultados perniciosos da discriminação. Foi apenas no final da adolescência, ao trabalhar na Casa de Cultura da Mulher Negra, que Djamila entrou em contato com autoras que a fizeram ter orgulho de suas raízes e não mais querer se manter invisível. Curtiu? Clique nos links e conheça o produto!
Produto disponível em Amazon Amazon.

AVISO

Os valores mencionados sobre os custos dos produtos podem ser variáveis, já que se referem à data de publicação do material. As mercadorias podem sofrer alterações de acordo com os critérios de cada loja. A Banda B não comercializa os produtos ou serviços citados. Para escolher as indicações, critérios como relevância, recomendação e reputação foram adotados.

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

Dia Nacional da Mulher: 4 livros feministas bem avaliados no mercado

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.