Ouça o áudio

O Paraná tem um grande desafio na noite de hoje: vencer o Bragantino, fora de casa, e confirmar o bom momento que vem vivendo dos últimos dois jogos pra cá. Uma das cartas na manga do Tricolor é o atacante William, autor de três dos últimos quatro gols da equipe. E o jogador diz estar trabalhando bastante para manter essa pegada.

“Acredito que todo jogador quando vai pra área quer fazer gols, até mesmo os zagueiros em bolas paradas. Comigo não é diferente, to tendo a oportunidade de jogar no ataque e to aproveitando da melhor forma possível. A melhor forma de corresponder é fazendo gols, jogando bem, me dedicando. Agora vou trabalhar cada vez mais para me manter assim”, disse.

Se o ataque tricolor vem funcionando bem, a defesa deixou a desejar no segundo tempo do jogo contra o ASA. Para o volante Chicão, o problema não é falta de trabalho, mas qualidade das equipes adversárias. “Isso não é falta de trabalho, mas a gente tem que ver que os outros times podem ter jogadores altos também. Mas a gente tá conversando e trabalhando para que esses erros não se repitam mais”, afirmou o atleta.

Os dois jogadores destacaram como é importante marcar gols para conquistar a vitória. “Não só o peso da vitória, mas também o peso dos gols. Antes ficamos quatro jogos sem marcar, e nesses últimos dois já foram quatro gols. Isso é muito importante e vamos em busca da vitória. Nosso time vem numa crescente muito grande, e não podemos jogar para empatar, temos que ir para vencer e se aproximar do G4”, disse William.

Já Chicão destacou que é fundamental sair na frente no placar para não ter que correr atrás do prejuízo no decorrer do jogo: “O Marcelo sempre fala do poder do gol. E nos últimos jogos antes do ASA, a gente tinha que correr atrás do resultado. Mas contra o ASA conseguimos sair na frente e foi muito bom, porque era uma coisa que a gente vinha buscando e acabou dando certo”.