Paulo Henrique. (Rui Santos/Paraná)

Mesmo criando as melhores chances e de ter jogado melhor que o adversário, o Paraná Clube perdeu para o Operário por 1×0, na noite desta sexta-feira (27), em Ponta Grossa, e aumentou sua crise na disputa da Série B do Campeonato Brasileiro. Um dos jogadores mais regulares da competição nacional, o lateral-direito Paulo Henrique comentou a fase delicada que o time paranista atravessa, mas garantiu que a união fará a diferença para o clube dar a volta por cima no torneio.

“É difícil falar em um momento como esse que estamos vivendo. Acredito que nenhum de nós tenha passado por algo tão complicado. Não tem segredo, a gente tem trabalhado, buscado, criamos chances, assim como em todas as partidas. Vamos trabalhar, focar e procurar centrar. Saber que na Série B qualquer gol perdido, ponto perdido vale muito lá na frente. Nosso time está único, fechado e vamos trabalhar para sair dessa situação”, afirmou o camisa 2 em entrevista ao Sportv.

Diante do Operário, o Paraná Clube conseguiu dominar o adversário no primeiro tempo. Perdeu duas grandes oportunidades com Wandson e Thiago Alves. Na etapa final, seguiu melhor, mas acabou tomando o gol aos 19 minutos. Ainda conseguiu criar oportunidades para empatar, mas não foi eficiente para conseguir voltar para Curitiba com um ponto na bagagem.

Agora na décima quarta posição, o Tricolor volta à campo já nesta terça-feira, diante do Vitória, às 21h30, na Vila Capanema. É confronto direto para o Paraná se afastar definitivamente da zona de rebaixamento da Série B do Campeonato Brasileiro.