Por Pedro Melo 

Paraná conquista o primeiro ponto na Série B jogando fora de casa. (Andrei Torres/ABC)

A era Cristian de Souza não começou da forma que o torcedor do Paraná esperava. Pouco inspirado em campo, o Tricolor não finalizou no gol adversário, mas conseguiu um ponto importante no empate sem gols com o ABC na estreia da Série B.

O novo treinador paranista terá pouco tempo para corrigir os erros e o Paraná volta aos gramados já na próxima terça-feira (16) para enfrentar o Goiás, na Vila Capanema. A maratona de jogos continua na sexta-feira (19) no jogo contra o Paysandu, também em casa.

Na saída de campo, o volante Gabriel Dias lamentou a falta de ritmo de jogo e acredita na evolução do time na sequência da Série B. “A gente ficou mais tempo sem jogar do que eles. Nós fomos melhores que eles, mas não conseguimos agredir muito com chances de gol. É o primeiro jogo e vamos pensar mais ao longo da competição”, comentou.

Primeiro tempo sem grandes chances de gol

Contando com vários desfalques, o técnico Cristian de Souza promoveu as estreias do lateral-direito Cristovam e do atacante Daniel Morais. Porém, com bola rolando, a primeira chance foi o ABC logo aos sete minutos. Gegê cobrou escanteio na área, o zagueiro Osvaldo desviou para o meio, mas ninguém completou para o gol.

Durante o restante da primeira etapa, o ABC levou perigo mais uma vez aos 30 minutos em chute cruzado do atacante Felipe Guedes que Léo defendeu sem maiores problemas. Já do outro lado, o Tricolor errou muitos passes e não finalizou nenhuma vez na meta adversária.

Goleiro Léo evita a derrota do Paraná no segundo tempo

Na volta para o segundo tempo, o treinador paranista perdeu Zezinho e Robson por lesão e colocou Murilo Rangel e Jhony em campo. A dupla teve pouco tempo de mostrar serviço já que com três minutos o jogo ficou paralisado por falta de ambulância que precisou deixar um estádio para levar um torcedor até o hospital.

Após 20 minutos, o jogo retornou com o ABC pressionando e quase abriu o placar em lance de bola parada. Gegê fez o levantamento na área, Nando desviou para o meio e Echeverría tenta completar, mas Léo fez grande defesa em cima da linha. Já aos 45, Gegê aproveitou espaço dado pela defesa, arriscou chute no ângulo e o goleiro paranista buscou no ângulo.

FICHA TÉCNICA
ABC 0X0 PARANÁ

Local: Estádio Frasqueirão, em Natal (RN).
Data: 13 de maio de 2017.
Horário: 16h30.
Árbitro: Dyorgines José Padovani de Andrade (ES).
Assistentes: Leandro Mendonça (ES) e Valberson Braz Zanotti (ES).
Público e renda: 3.234 presentes/R$ 49.670,00.

ABC: Edson; Bocão, Oswaldo, Cleiton, Eltinho; Anderson Pedra, Felipe Guedes, Gegê, Erivélton (Dalberto), Echeverría (Adriano Pardal); Nando (Caio Mancha).
Técnico: Geninho.

Paraná: Léo; Cristovam, Eduardo Brock, Rayan e Junior; Gabriel Dias, Zezinho (Jhony), Guilherme Biteco (Minho) e Renatinho; Robson (Murilo Rangel) e Daniel Morais.
Técnico: Cristian de Souza.

Cartões amarelos: Echeverría e Cleiton (ABC).