Paraná perde Fabrício no início do jogo, mas Marcos fecha o gol. (Geraldo Bubniak/AGB)

Na noite deste domingo (18), o Paraná Clube empatou em 0 a 0 com o Sampaio Corrêa, dentro da Vila Capanema, em jogo válido pela 16 ª rodada. Com o resultado, o Tricolor chega a seis jogos sem vencer, pouco mais de um mês sem conquistar os três pontos. Já a Bolívia Querida se mantém na 11ª colocação e emenda mais um empate para a sua série invicta de seis partidas.

Após o empate, Paraná Clube figura na 6ª posição da tabela, momentaneamente, com 24 pontos conquistados. O próximo compromisso será contra o líder da competição, o Cuiabá, fora de casa, na quarta-feira (21), na Arena Pantanal.

O jogo

Com seis alterações na escalação, o Paraná Clube começou pressionando, mas sentiu o baque logo no começo da partida. Fabrício acabou sentindo a posterior da coxa direita, o capitão retornava aos gramados após se recuperar de uma tendinite. Ele precisou ser substituído já aos 10 minutos e Hurtado assumiu a função.

Depois disso, o Tricolor passou a dar mais espaço para o Sampaio Corrêa e na bola parada, Marcinho trouxe mais perigo a meta, junto com André Luiz que ajudou a criar e pressionar na linha de defesa, que neste domingo (18), estava sendo defendida por Marcos. Apesar da correria, faltava o toque final para ambas as equipes. O Paraná conseguiu chegar algumas vezes com Bressan e Andrey, mas nenhuma conclusão convertida em gol.

Na volta para o segundo tempo, nenhuma mudança nas equipes. Allan Aal apostou no onze titular com Hurtado no lugar de Fabrício. Nos minutos iniciais, a correria foi o destaque, mas poucos arremates a gol. O zagueiro camisa 13 parecia nervoso, e após levar um cartão amarelo, quase foi expulso em uma chegada mais pesada.

A pressão começou a ficar maior por parte da Bolívia Querida, e na subida do Sampaio Corrêa, Gustavo Ramos chegou por trás da zaga paranista, mas Marcos salvou mais uma bola no jogo. E o ataque do Tricolor não funcionava, então o técnico do Paraná buscou a mudança e colocou Guilherme Biteco e Leo Castro em campo.

Aos 35 minutos, mais uma chance de ouro para o Paraná, mas Renan Bressan desperdiçou e isolou o toque final.  Seis minutos depois, na cobrança de falta no meio da rua, foi a vez de Jean Victor bater forte, mas apesar da boa cobrança, ela passa triscando a trave e vai para fora. O resultado acabou em empate sem gols.

FICHA TÉCNICA

PARANÁ CLUBE X SAMPAIO CORRÊA

Local: Estádio Durival Britto e Silva, em Curitiba (PR)

Data: Domingo, 18 de outubro de 2020

Horário: 20h30

Árbitro: Douglas Marques das Flores (SP)

Assistentes: Daniel Paulo Ziolli (SP) e Evandro de Melo Lima (SP)

Paraná Clube: Marcos; Paulo Henrique, Salazar, Fabricio (Hurtado) e Jean Victor, Jhony Douglas, Higor Meritão (Thiago Alves) e Renan Bressan; Bruno Gomes (Leo Castro), Andrey e Bruno Xavier (Guilherme Biteco).

Técnico: Allan Aal

Sampaio Corrêa: Gustavo (João Gabriel); Luís Gustavo, Joécio, Daniel Felipe e Marlon (Joazi); André Luís, Gustavo Ramos (Róbson) e Eloir; Marcinho (Luan Ferreira), Caio Dantas e Roney (Jackson).

Técnico: Leonardo Condé

Cartão Amarelo: Andrey, Hurtado, Higor Meritão e Jean Victor (PRC); Luís Gustavo, Róbson (banco de reservas) e Gustavo (SAM).