Após a reunião realizada na quarta (3) com o Ministério Público, o Paraná Clube emitiu uma nota oficial sobre a realização do jogo deste sábado, às 11h, contra o Patriotas, no estádio Atílio Gionédis. O Tricolor fez críticas fortes à postura do MP e manifestou temor por problemas no esquema de segurança. Ao que tudo indica, a partida terá a presença de 2 mil pessoas, pois o Patriotas confirmou os 1.750 ingressos que foram colocados à disposição esgotaram.

No texto, divulgado no site oficial (leia a íntegra abaixo), o Paraná Clube “reitera seu posicionamento em completo desacordo com as decisões” do MP. Desde a aprovação do estádio que recebe os jogos do Patriotas para a realização da partida até a decisão de que “torcedores do Paraná Clube só poderão acessar a cidade de Campo Largo mediante apresentação de ingresso“, a nota tricolor critica pesadamente a intervenção do Ministério Público.

O ponto principal é a condição do estádio Atílio Gionédis. “É notório e público que o estádio não oferece condições (de infraestrutura e segurança) de receber uma partida de futebol profissional de médio e grande porte”, diz o texto divulgado pelo Paraná Clube. E a medida de impedir a entrada de paranistas em Campo Largo “fere o direito básico de ir e vir do nosso torcedor, algo garantido na Constituição“, completa.

“Rivalidade”

A diretoria do Paraná Clube também ataca o Patriotas. Se ano passado os clubes se entenderam e o time sediado no Umbará fez jogos na Vila Capanema, nesta temporada o Tricolor recusou o pedido. “Medidas incoerentes, resultado de um pedido inoportuno do clube mandanteSituação esta que sugere a tentativa de criação de atrito ou rivalidade. Uma ideia que simplesmente não condiz com a realidade”, diz a nota oficial.

Mesmo com todo o imbróglio, o Paraná Clube diz ao torcedores que “mesmo não concordando, acataremos. E na próxima semana, no jogo de volta, entraremos em campo com milhares de corações tricolores batendo juntos. Todos em busca do nosso grande objetivo do ano”. Este trecho indica uma transferência do jogo da volta, no domingo da outra semana (14), às 11h, para o Couto Pereira.

Confira a nota oficial do Paraná Clube

Nesta quarta-feira (03/07), o Paraná Clube participou de uma audiência convocada pelo Ministério Público referente à liberação de público para o primeiro jogo da semifinal. Nesta audiência, os órgãos competentes determinaram que:

  • o estádio possui condições de receber a partida; 
  • sua capacidade de público será reduzida para 2 mil lugares – sendo 10% para a torcida do Paraná Clube (200 lugares);
  • torcedores do Paraná Clube só poderão acessar a cidade de Campo Largo mediante apresentação de ingresso.

Diante dos fatos citados acima, o Paraná Clube reitera seu posicionamento em completo desacordo com as decisões.

É notório e público que o estádio não oferece condições (de infraestrutura e segurança) de receber uma partida de futebol profissional de médio e grande porte.

Além disso, uma das medidas fere o direito básico de ir e vir do nosso torcedor, algo garantido em constituição.

Medidas incoerentes, resultado de um pedido inoportuno do clube mandante. Situação esta que sugere a tentativa de criação de atrito ou rivalidade. Uma ideia que simplesmente não condiz com a realidade. 

Assim sendo, nosso questionamento segue o mesmo, não sobre a presença ou quantidade de torcedores visitantes, mas referente à estrutura que o evento merece e, principalmente, necessita.

Reiteramos: trata-se de um campeonato de futebol profissional. Com centenas de profissionais envolvidos, além de milhares de fãs. Qualquer coisa diferente do profissionalismo não pode ser aceita ou normalizada.

Ao nosso torcedor, informamos que, mesmo não concordando, acataremos. E na próxima semana, no jogo de volta, entraremos em campo com milhares de corações tricolores batendo juntos. 

Todos em busca do nosso grande objetivo do ano.

Ingressos: serão vendidos amanhã (05/07), a partir das 10h na sede da Kennedy, somente para sócios adimplentes, com preço de R$ 100,00 a inteira e R$ 50,00 a meia-entrada. Informamos também que a venda será limitada a 1 ingresso por sócio.

Estádio Atílio Gionédis, palco de Patriotas x Paraná Clube.
Na nota oficial, o Paraná Clube afirma que o Atílio Gionédis não tem condições para receber uma partida como a deste sábado (6). Foto: Elton Sales/Banda B

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

Patriotas x Paraná Clube: Tricolor critica Ministério Público

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.