SALVADOR, BA, 10.08.2019 – Vitoria, Paraná – Lateral Guilherme Santos na partida entre Vitória x Paraná. válida pela 15ª rodada do campeonato brasileiro Série B, realizada nesse sábado (10), no estádio Manoel Barradas, Barradão. – (Foto: Marcelo Malaquias/FramePhoto/Folhapress)

Na noite deste sábado (10), o Paraná Clube fez uma das suas piores apresentações na Série B de 2019. Com duas falhas individuais da zaga, o Tricolor perdeu por 2×0 para o Vitória, no Estádio Barradão, em Salvador. Os gols foram marcados por Jordy e Wesley, ainda no primeiro tempo. Eduardo Bauermann foi um dos mais criticados, após errar na saída de bola no segundo gol da equipe baiana.

Com o resultado, o time comandado por Matheus Costa estaciona na oitava colocação, com 23 pontos. Já o Vitória sai da lanterna e da zona de rebaixamento, na 16ª colocação, com 14 pontos.

O jogo

Pressionado por jogar em casa e pela má campanha na Série B, o lanterna Vitória criou as primeiras oportunidades ofensivas na partida. Logo aos três minutos, em ataque baiano, Eduardo Bauermann chuta em cima do atacante Jordy e a bola quase encobre o goleiro Thiago Rodrigues, passando por cima do gol.

Dez minutos depois, após boa jogada do lateral Guilherme Santos, a bola sobra para Ramon que acerta no ângulo de Martín Rodriguez, exigindo uma excelente defesa do goleiro uruguaio.

Aos vinte e seis minutos, após bola cruzada na área, o atacante Jordy domina a bola e fuzila o goleiro Thiago Rodrigues, inaugurando o placar do Barradão. 1×0 Vitória. Dois minutos depois, o Paraná responde, com falta de João Pedro, que vai parar na barreira.

Aos trinta e oito minutos, o Vitória amplia o placar após falha absurda do zagueiro Eduardo Bauermann, que perde na saída de bola. Wesley não perdoa e empurra para as redes.

Para a segunda etapa, Matheus Costa promove duas alterações no Tricolor: entram Luan e Rafael Furtado, para a saída de Luiz Otávio e Ramon.

As mudanças surtem pouco efeito em campo. A equipe paranista seguia nervosa em campo, e os donos da casa aproveitavam o descontrole tricolor. Aos dezesseis minutos, Felipe Gedoz bate falta de longe e a bola passa muito perto da meta de Thiago Rodrigues.

Aos vinte e oito minutos, a melhor jogada de ataque do Paraná, que teve muitas dificuldades de desenvolver seu jogo em campo. Rodrigo Porto faz bom lance na linha de fundo e cruza para a área. Alesson cabeceia sozinho, mas joga para fora.

Aos quarenta minutos, na última chance paranista, o volante Fernando Neto faz boa jogada com Alesson, entra na área e chuta. Everton Sena trava a bola e evita o gol tricolor.

FICHA TÉCNICA

VITÓRIA 2×0 PARANÁ

Local: Estádio Barradão.
Data: Sábado, 10 de agosto de 2019.
Horário: 19h.
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (RJ).
Assistentes: Silbert Faria Sisquim (RJ) e Carlos Henrique Alves de Lima Filho (RJ).

Vitória: Martín Rodrigues; Matheus Rocha, Ramon Everton Sena e Chiquinho (Capa); Baraka, Lucas Cândido e Felipe Gedoz (Gabriel Bispo); Jordy, Wesley e Anselmo Ramon (Eron).
Técnico: Carlos Amadeu.

Paraná: Thiago Rodrigues; Léo Príncipe, Eduardo Bauermann, Rodolfo e Guilherme Santos; Luiz Otávio (Luan), Fernando Neto e João Pedro; João Pedro, Rodrigo Porto, Caio Monteiro (Alesson) e Ramon (Rafael Furtado).
Técnico: Matheus Costa.

Cartões amarelos: Matheus Rocha (VIT), Guilherme Santos (PAR) e Eron (VIT)

Gols: Jordy aos 26 minutos e Wesley aos 38 minutos do primeiro tempo