Matheus Costa. (Felipe Dalke/Banda B)

Precisando voltar a vencer para reaproximar do G4 da Série B, o técnico Matheus Costa admitiu a possibilidade de mudança no setor ofensivo do Paraná, para o duelo com o Atlético-GO, nesta terça-feira (20), na Vila Capanema. Com apenas um gol e sem vencer nos últimos cinco jogos, time pode ter variação no ataque.

“Existem duas possibilidades: continuar jogando com referência ou com falso nove, criar uma situação de mais mobilidade. Estamos trabalhando em cima disso, existe a possibilidade de acontecer alguma surpresa no jogo de amanhã”, comentou o treinador em entrevista coletiva.

Depois de fechar com apenas um ponto uma sequência de três jogos contra equipes da zona de rebaixamento, Matheus Costa acredita que uma reação contra um time que está no G4 pode ser um divisor de águas para o Tricolor.

“Um adversário que vem em uma constante na competição, tem realizado bons jogos e obtido resultados. Nada melhor, no momento que nós estamos, do que jogar com uma equipe qualificada e não medir esforços para conquistar a vitória. Temos que estar sempre cientes que é uma competição a longo prazo e pensar sempre jogo a jogo”, disse o comandante.

O treinador também elogiou o trabalho do técnico Wagner Lopes e a qualidade do adversário desta terça-feira. “A equipe do Atlético-GO tem o seu mérito por estar onde está. Sabe se defender muito bem e trabalha bem a bola. É um time que está muito bem encaixado, temos que ser inteligentes neste sentido, diminuindo os espaços sem a bola e buscando a compactação para diminuir a situação que eles têm de um jogo aproximado. Acredito que será um jogo de duas equipes que busquem a vitória”, finalizou Matheus Costa.

Confira a entrevista coletiva do técnico Matheus Costa: