Paraná se preparou no CT Ninho da Gralha. (Felipe Dalke/Banda B)

Rebaixado para a Série B há três rodadas, o Paraná vendeu o mando de campo contra o líder Palmeiras e será mandante no estádio do Café, em Londrina, neste domingo (18), às 17h. Mesmo jogando em casa na teoria, a tendência é que o local esteja lotado de torcedores do Palmeiras e os paranistas ocupem apenas uma parte das arquibancadas.

O jogo no interior representa uma ajuda para o caixa paranista com o acréscimo de R$ 500 mil e mais 30% da renda líquida da partida. Porém, é um retrato da péssima temporada do clube, que disputa a Série A pela primeira vez em 10 anos e sequer conseguiu brigar com os adversários. Além disso, decepcionou no Campeonato Paranaense e caiu logo na segunda fase da Copa do Brasil.

A provável escalação

Para a partida em Londrina, o técnico Dado Cavalcanti não contará com o goleiro Richard e o volante Alex Santana, principais nomes na temporada, suspensos pelo terceiro cartão amarelo. Além dos dois, os atacantes Andrey e Silvinho também são desfalques por contusão. Já o lateral-esquerdo Mansur e o meia-atacante Rodrigo Carioca estão no departamento médico.

Ainda com algumas dúvidas, o Tricolor deve entrar em campo com Thiago Rodrigues; Wesley Dias (Júnior), Renê Santos, Jesiel e Igor; Leandro Vilela, Torito González e Alesson; Juninho, Kessley (Felipe Augusto) e Rafael Grampola.

O adversário

Líder do Brasileirão, com 70 pontos, o Palmeiras joga por mais uma vitória para ficar ainda mais próximo do título. O técnico Luiz Felipe Scolari não contará com o zagueiro Luan, mas pode alterar todo o sistema defensivo. Um provável Verdão tem Weverton; Marcos Rocha, Antônio Carlos, Edu Dracena e Victor Luis; Felipe Melo (Thiago Santos), Bruno Henrique e Lucas Lima; Willian, Dudu e Borja (Deyverson).

FICHA TÉCNICA
PARANÁ X PALMEIRAS

Local: Estádio do Café, em Londrina (PR).
Data: Domingo, 18 de novembro de 2018.
Horário: 17h (horário de Brasília).
Árbitro: Bruno Arleu de Araújo (RJ).
Assistentes: Rodrigo Figueiredo Henrique Correa (RJ) e Luiz Cláudio Regazone (RJ).