Gilmar Dal Pozzo. (Douglas Araújo/CRB)

O técnico Gilmar Dal Pozzo comemorou que o bom desempenho do Paraná se transformou em vitória por 2 a 0 no confronto direto com o CRB. O treinador acredita que o Tricolor já merecia uma sorte melhor na derrota para o América-MG e “fez por merecer” o resultado positivo em Maceió.

“Fez por merecer [a vitória]. Eu queria que a nossa equipe traduzisse o desempenho em resultado. Se não fizer por merecer, não vai conseguir o resultado. Merecíamos um empate com o América, mas nos deu confiança por jogar bem. A partir do momento que joga bem, passa confiança para os atletas. Nós neutralizamos o CRB e a nossa equipe foi 100% taticamente perfeita dentro da proposta de jogo. Os atletas tiveram uma disciplina tática que foi determinante e conseguiram jogar”, declarou Dal Pozzo, em entrevista exclusiva à Banda B.

Para Dal Pozzo, o gol logo aos nove minutos foi importante para o Paraná controlar a partida e derrotar o CRB. “Eu sempre oriento os meus atletas para produzir, independentemente do resultado. Se tomar gol, tem que manter o equilíbrio e continuar produzindo. Lógico que neste momento de derrotas se a gente sai atrás do placar, fica confortável para o adversário. Foi determinante e passamos a jogar no erro do adversário do gol. O gol foi importante na questão psicológica”, disse.

Outro ponto destacado pelo comandante paranista foi o entendimento tático dos atletas. “O primeiro tempo foi perfeito, mas tivemos dificuldade no segundo tempo. O Ramon ficou só com um volante e colocou dois meias. Nós encontramos um pouco dificuldade. Foi importante o entendimento tático dos atletas e a minha preocupação é com o equilíbrio. As equipes são treinadas para ter a consistência defensiva sem a posse de bola, mas também que tenha ambição quando tem a bola”, comentou.

Em 16º lugar, com 32 pontos, o Paraná saiu da zona de rebaixamento com a vitória sobre o CRB. Na próxima rodada, o Tricolor tem novo confronto direto contra o Brasil de Pelotas, na segunda-feira, às 17h30, na Vila Capanema.