Uma vitória por um gol de diferença leva a disputa da vaga para os pênaltis. Foto: Geraldo Bubniak/AGB

Nesta quarta-feira (26), às 19h, na Vila Capanema, o Paraná recebe o Botafogo em busca de uma vaga na quarta fase na Copa do Brasil, além de uma premiação que gira em torno de R$ 2 milhões de reais. Mas para isso, o Tricolor terá que reverter o placar, algo que jamais aconteceu na Copa do Brasil.

Sempre que perdeu a primeira partida do mata-mata, a equipe paranista  nunca conseguiu avançar de fase. Fato que aconteceu em seis oportunidades. Confira:

Copa do Brasil 1996 – Quartas de Final
07-05-1996 – Palmeiras 2×0 Paraná
14-05-1996 – Paraná 1×3 Palmeiras

Copa do Brasil 1998 – Quartas de Final
05-05-1998 – Santos 1×0 Paraná
14-05-1998 – Paraná 0x1 Santos

Copa do Brasil 2001 – Primeira Fase
14-03-2001 – Ceará 3×1 Paraná
21-03-2001 – Paraná 1×1 Ceará

Copa do Brasil 2009 – Segunda Fase
15-04-2009 – Fortaleza 2×1 Paraná
22-04-2009 – Paraná 1×1 Fortaleza

Copa do Brasil 2011 – Segunda Fase
30-03-2011 – Paraná 1×2 Botafogo
06-04-2011 – Botafogo 3×0 Paraná

Copa do Brasil 2012 – Oitavas de Final
25-04-2012 – Paraná 1×2 Palmeiras
09-05-2012 – Palmeiras 4×0 Paraná

Em duas ocasiões, o Tricolor foi derrotado na primeira partida e venceu a segunda, porém o critério do gol fora de casa e do saldo de gols impediram que a equipe paranista seguisse na competição. 

Copa do Brasil 1999 – Primeira Fase
03-03-1999 – Camaçari 2×0 Paraná
10-03-1999 – Paraná 2×1 Camaçari

Copa do Brasil 2001 – Quartas de Final
10-04-2001 – Corinthians 3×1 Paraná
17-04-2001 – Paraná 1×0 Corinthians

Para o jogo desta quarta-feira, basta uma simples vitória por um gol de diferença para levar a disputa da vaga para as penalidades, lembrando que não existe o critério do gol qualificado. Caso o Tricolor vença por dois ou mais gols de diferença, conquista a vaga de forma direta.

É certo que o técnico Allan Aal não poderá contar com o lateral-esquerdo Jean Victor e o recém-chegado meia Karl. Ambos já disputaram a competição por Boavista-RJ e Ferroviária-SP, respectivamente.