Allan Aal. (Geraldo Bubniak/AGB)

O técnico Allan Aal mantém os pés no chão após a goleada do Paraná por 4 a 0 sobre o Oeste, na noite desta segunda-feira (26), na Vila Capanema. Com o resultado positivo, o Tricolor igualou a pontuação do Juventude, mas segue fora do G4 da Série B pelo saldo de gols.

De acordo com o treinador, a equipe não pode se empolgar como foi no início da Série B, quando chegou a liderar a competição. “Faz muito bem para todos nós por tudo que foi desempenhado e proposto, mas ao mesmo tempo temos que manter os pés no chão e humildade em saber que os resultados só vêm com muito trabalho. Serviu de experiência o entusiasmo a mais quando estávamos na primeira colocação, mas tem que ser uma confiança com humildade e que cada jogo é uma batalha”, disse.

A goleada na Vila Capanema encerrou uma série de sete jogos sem vitórias do Paraná na segunda divisão. Agora, o Tricolor completou três jogos sem derrotas. O treinador ressaltou que os resultados acontecem com muito esforço de todos os envolvidos. “40 dias sem vitórias, mas três jogos sem perder. São situações que a gente sempre procura dar o equilíbrio e manter os pés no chão. As coisas não iam acontecer da maneira natural, mas pelo esforço. Merecíamos uma sorte melhor contra o Cuiabá e levamos alguns gols pela situação do futebol. Hoje, usamos o que temos de melhor que é a transição contra um adversário que nos exigiu paciência. Iniciamos o segundo tempo um pouco apático, mas as coisas voltaram ao normal e a equipe mereceu o resultado mais elástico”, afirmou.

Análise do jogo

Em relação ao jogo, o comandante comemorou que os treinamentos da semana surtiram efeito dentro de campo. “Era uma proposta que a gente sabia que seria necessária de esperar um pouco mais na intermediária defensiva para usar o que a gente tem de melhor que é a velocidade e a transição. Se a gente pressionasse desde o início, a gente poderia sofrer com a bola longa deles. A gente fica feliz que foi feito o que foi trabalho e treinado. É fundamental a gente não perder a identidade e saber que disputa uma Série B disputada e equilibrada. Isso a gente fez no momento sem bola e teve qualidade e eficiência com bola”, destacou.