Umberto Louzer lamentou revés em Criciúma (Reprodução/Banda B)

A derrota do Coritiba para o Criciúma, de virada, nos minutos finais, incomodou o técnico Umberto Louzer. Após o duro golpe sofrido no retorno da Série B, o comandante lamentou o resultado e cobrou atenção e maturidade da equipe para a sequência da competição.

“Tivemos escapadas, mas não fomos eficientes para poder matar o jogo. Permitimos o ataque do adversário e sofremos gols com falhas. Fomos punidos com uma desatenção nossa. Faltando 30 segundos para acabar o jogo, você não pode ceder a vitória para o adversário. Precisamos amadurecer e focar no próximo jogo para podermos vencer”, avaliou Louzer em entrevista coletiva.

O treinador também analisou a queda de rendimento da equipe, que recuou depois de abrir o placar e deixou o adversário crescer na partida. “Essa derrota tem que servir de algo para você crescer durante a competição. Tentamos encaixar e não perder a ofensividade, mas fomos passivos e recuamos demais. Infelizmente permitimos ao adversário nos encurralar e perdemos o controle da partida. Aceitamos o jogo do adversário e fomos punidos com os gols”, comentou.

Já projetando o próximo compromisso, agora diante da torcida, Umberto Louzer cobrou que a derrota sirva de lição para a equipe. “Temos que saber o momento de matar a partida e ter capricho no domínio e no passe. Hoje nós erramos, ficamos abaixo das nossas expectativas. Temos que tirar exemplo para fazer a lição de casa contra o São Bento”, concluiu.

Confira a entrevista coletiva do técnico Umberto Louzer: