Umberto Louzer. (Osmar Antônio/Banda B)

Após a derrota na última rodada, o Coritiba busca a recuperação no confronto direto com o Atlético-GO, neste domingo (08), às 11h, no Couto Pereira. Projetando o jogo decisivo com a equipe goiana, o técnico Umberto Louzer destacou a dificuldade da partida diante de um adversário que vem logo atrás e com a mesma pontuação na Série B.

“Vamos buscar jogar da mesma forma, tentando propor o jogo. O Coritiba tem adquirido essa identidade. Às vezes os resultados não estão vindo como a gente gostaria, mas buscamos a regularidade e o equilíbrio. É mais um adversário forte longe dos seus domínios, que se defende bem e é muito forte nas transições. Temos que buscar as movimentações tentar tirar o encaixe defensivo deles. É uma partida que vai exigir muito do Coritiba no aspecto de organização e competitividade. Temos que ter isso em mente para sair com o nosso objetivo alcançado”, afirmou Louzer em entrevista coletiva.

Sem se deixar abalar com a derrota na última rodada após dez jogos de invencibilidade, o comandante reiterou a importância de buscar a manutenção da regularidade para retomar as vitórias na Série B. “Essa é a nossa busca, temos trabalhando bastante em busca disso. Sabemos que nesta competição a constância te leva ao seu objetivo. Contra a Ponte Preta, não saímos na frente e o adversário também não fez mais do que nós para conseguir a vitória. Temos trabalhado para ter essa constância, para que assim a gente possa vencer o nosso oponente”, comentou.

Rafinha retorna ao time

Para a partida contra os goianos, o técnico Umberto Louzer terá o retorno do atacante Rafinha, que cumpriu suspensão na última partida e garantiu que o atleta terá a liberdade para atuar tanto pelos lados, como por dentro do campo. “O Rafinha é um atleta que joga por dentro ou fora. É o dever do treinador facilitar o jogo do atleta e potencializar aquilo que ele tem de virtude. Procuramos fazer isso não só com ele, como com os demais, para que possam atingir melhores resultados e rendimentos”, comentou o treinador.

Já o zagueiro Rafael Lima e o atacante Robson, que seguem no departamento médico, seguirão de fora para o compromisso do fim de semana. “O Rafael não [terá condições]. O Robson ainda está no processo de transição, tem algumas etapas a serem cumpridas. Vou conversar para ver o parecer dele, mas também é difícil a presença”, concluiu Louzer.

Confira a entrevista coletiva do técnico Umberto Louzer:

Entrevista do técnico Umberto Louzer

Posted by Esporte Banda B on Thursday, September 5, 2019