Umberto Louzer avaliou derrota do Coritiba para o Cascavel CR (Reprodução/Banda B)

Com a primeira derrota da equipe no estadual e a sua primeira no comando alviverde, o técnico Umberto Louzer quer que a atuação sirva de lição para o Coritiba na sequência do Campeonato Paranaense. Sem tempo para lamentar, o treinador já quer mudança na postura para o jogo contra o Rio Branco, no fim de semana, pela penúltima rodada do returno.

“Faltou um pouco mais de velocidade e agressividade, principalmente no último terço do campo. Isso tem que servir de lição, mesmo sendo no início de trabalho. É claro que toda derrota tem um peso muito grande, mas agora é voltar as atenções para o jogo de domingo, para não cometermos os mesmos erros que cometemos hoje”, avaliou o comandante após a partida.

Umberto Louzer ainda afirmou que a oscilação será natural neste processo de implantação do trabalho do novo comando, mas cobra para que a atuação não se repita. “Nas duas vitórias que nós tivemos, cobramos bastante os nossos atletas, pois sabemos onde queremos chegar. Estamos em um início de trabalho, sempre frisei isso. Em alguns momentos iríamos oscilar, como foi hoje, mas não podíamos estar tão abaixo como jogamos. Precisamos usar dessa derrota para se encorpar mais e buscar os nossos objetivos no que vier pela frente”, disse.

O treinador finalizou isentando o zagueiro Alan Costa, autor do gol contra que deu a vitória ao Cascavel CR, de culpa pela derrota no oeste paranaense. “O Alan Costa é um atleta experiente. É ruim essa situação, mas temos que dar forças para todos os atletas. É o momento de fazermos as nossas cobranças e tenho certeza que eles vão responder. Temos certeza que no domingo vamos fazer um bom jogo para encaminhar a nossa classificação”, concluiu.

Confira a entrevista coletiva do técnico Umberto Louzer:

Posted by Esporte Banda B on Wednesday, March 20, 2019