Eduardo Barroca. (Felipe Dalke/Banda B)

O técnico Eduardo Barroca foi sondado para comandar o Vasco, mas garantiu que vai continuar no Coritiba para a sequência do Campeonato Paranaense e na disputa do Brasileirão. Ele deixou claro que o foco é apenas no trabalho na equipe coxa-branca e ainda elogiou Abel Braga, atual treinador do clube carioca.

“Passo meu respeito pleno ao Abel, nós que somos da nova geração precisamos nos espelhar em caras assim. Meu foco é só o Coritiba, hoje não tenho motivo nenhum para pensar fora. Respeito o Vasco, já trabalhei lá, torço por eles mas estou feliz aqui”, declarou Barroca.

Em 11 jogos no Coxa, o técnico venceu seis, empatou três e perdeu dois, sendo um deles pela Copa do Brasil para o Manaus. Ele destacou que o trabalho teve algumas adversidades por conta das lesões de jogadores e ainda precisou mudar a filosofia de jogo em relação ao time do ano passado. “Se for fazer uma linha do tempo, a gente teve uma situação atípica que for perder uma quantidade grande de jogadores por lesões. É bastante atípico ainda mais que foram lesões que a gente não consegue atuar diretamente. A gente também mudou radicalmente a forma de mudar o jogo e o meu feedback foi bastante positivo. Em um curto período de tempo, os jogadores pegaram a ideia central. Nos 11 jogos, nós tivemos controle similar da posse de bola, número superior do adversário e foi muito linear o crescimento”, analisou.

Com o treinador confirmado, o Coritiba se prepara para a disputa do clássico contra o Athletico, no domingo (15), às 16h, no Couto Pereira. O Coxa precisa da vitória para terminar a fase de classificação em primeiro lugar. Barroca falou sobre a importância de encarar o rival, mas ressaltou que o grande objetivo é jogar bem de olho no Brasileirão. “Eu tive experiência de disputar clássicos em outros estados. Um clássico sempre tem uma atmosfera diferente, o ambiente da semana se acende por si só. Toda a rivalidade saudável dos torcedores gera uma expectativa de corresponder. Eu tenho muito claro a nossa caminhada, estamos em busca de processo de evolução individual e coletiva”, disse.

“É um jogo importante para buscar a liderança momentânea, mas a busca por vantagem vai continuar nos jogos eliminatórias. É muito importante vencer pela liderança, mas é mais importante vencer jogando bem e pegando um adversário muito organizado e de nível muito bem. É saber que a gente está caminhando para um objetivo maior que é o Campeonato Brasileiro da Série A”, acrescentou.

Assista trecho da entrevista do técnico Eduardo Barroca