Técnico teve uma semana cheia para trabalhar e conhecer melhor o elenco. Foto: Divulgação/Coritiba

A vitória do RB Bragantino diante do Ceará, na abertura da 11ª rodada, recolocou o Coritiba na lanterna da Série A. Mas a equipe comandada por Jorginho tem a chance de vencer, largar a lanterna e terminar a rodada, fora da zona de rebaixamento. Neste domingo (20), o Verdão recebe o Vasco às 16h, no Couto Pereira.

De fato, essa foi a primeira semana sem jogos que Jorginho teve para trabalhar com elenco. Teve tempo para resolver um grande problema no setor ofensivo. Sassá já deixou o clube, após fotos suas vazarem em uma festa após o Athletiba, Igor Jesus foi expulso e também não joga, Wellissol treina em separado e Neílton se recupera de lesão e não tem presença confirmada. Robson é o único atacante. JorginDaniho pode alterar o esquema tático da equipe.

Por outro lado, o recém-chegado, o argentino Martín Sarrafiore deverá fazer a sua estreia com a camisa do Coritiba. Cheio de mudanças, o técnico Jorginho deverá mandar a campo a seguinte equipe: Wilson; Natanael, Rhodolfo, Sabino e William Matheus; Matheus Sales, Hugo Moura e Matheus Bueno; Sarrafiore, Giovanni Augusto e Robson.

Atenção dividida

O Vasco está de olho na Copa do Brasil. A equipe carioca perdeu a primeira partida da quarta fase para o Botafogo por 1 a 0, a partida de volta acontece na próxima quarta-feira. O técnico Ramon Menezes, diagnosticado com a Covid-19, nem veio à Curitiba, Thiago Kosloski via comandar uma equipe mista, porém contará o argentino Germán Cano.

O provável Vasco terá: Fernando Miguel; Yago Pikachu, Miranda, Marcelo Alves e Neto Borges; Bruno Gomes, Marcos Júnior e Bruno César, Ygor Catatau, Talles Magno e Germán Cano.

FICHA TÉCNICA

CORITIBA X VASCO

Local: Estádio Couto Pereira em Curitiba
Data:
Domingo, 20 de setembro de 2020
Horário:
16h
Árbitro:
Luiz Flávio de Oliveira (SP)
Assistentes:
Danilo Ricardo Simon Manis (SP) e Luiz Alberto Andrini Nogueira (SP)
Árbitro do VAR:
Thiago Duarte Peixoto (SP)
Assistentes do VAR:
Rafael Gomes Félix da Silva (SP) e Renato Cardoso da Conceição (SP)