Samir Namur. (Esporte Banda B)

Após o anúncio da nova data e nova forma escolhida para a realização das eleições presidências do Coritiba para o triênio 2021/2023, o atual presidente e candidato a reeleição, Samir Namur deverá anunciar seu afastamento do cargo nesta terça-feira (15). O motivo seria uma forma de evitar que o processo eleitoral seja questionado por eventual interferência do mandatário Alviverde, segundo divulgado pela Rede Coxa.

Paulo Roberto Baggio Pereira é quem deve assumir o cargo temporário, ausente da rotina do clube por questões contrárias ao presidente, mas o dirigente também pode pedir licença. Neste caso, o segundo vice-presidente, e candidato da chapa Coritiba Responsável pelo mesmo cargo, Jorge Durão é quem pode ficar no comando.

Os três candidatos à presidência do Coritiba são Samir Namur, da chapa Coritiba Responsável, João Carlos Vialle, da União Coxa, e Renato Follador, da Coritiba Ideal. Como gesto de preocupação com a situação atual do clube do Alto da Glória, o atual presidente também informou, após a queda do técnico Rodrigo Santana, que iria consultar os adversários para definir, antes das eleições o que deveria ser feito no comando técnico do elenco.

O Conselho Deliberativo do Coritiba definiu que as eleições presidenciais do clube acontecerão no dia 29 de dezembro pela internet, entre 10h e 16h. Sócios deveram realizar um recadastramento para participar do pleito on-line.